Mês: Novembro 2016

#PreferiaBeirão – Só há um tipo de #Marketing: Bom Marketing

#Engagement, #MarcaDeCulto, likes, partilhas, goodwill, #Vendas…. não é com Marketing assim ou assado – é com BOM #MARKETING! Com posicionamento e narrativas de marca (#ContentMarketing) consistentes e  tão elásticas do ponto de vista da media quanto o exigir os seus públicos. Explorar o pico de #vendas do Natal Reforçar o #posicionamento da Marca Reforçar o #engagement com os consumidores com uma ação de solidariedade social Um bom briefing de Marketing apenas elenca um objetivo. Uma excelente campanha consegue atingir, pelo menos, estes 3! E, ainda mais aquele objetivo de sempre – o viral, as partilhas, os likes… All in...

Ler Mais

Apple: A “arte” de oferecer! Really?

O #BlackFriday  está a tornar-se moda e todo o bicho careta está a surfar a onda… Parecia que um post que começa por #BichoCareta não seria a propósito da#Apple mas… o prémio do headline mas #tocaAaviar vai para…. #Apple. “A arte de oferecer” parece um bom headline para uma gravata que a Mãe quisesse oferecer ao Avô… ou assim… E o “Nunca mais é sexta” parece uma boa assinatura para… qualquer coisa! Nós sabemos que o forte da #Apple não é comunicação publicitária… porque nunca precisaram. Mas como direi?… há uns mínimos para não ofender os fãs… Está bem? Posto...

Ler Mais

Kinetikos: uma #StartUp que trouxe investimento do #WebSummit

Estiveram zilhões de #StartUps no #WebSummit… soube da Kinetikos ao cair do pano: tinham acabado de ganhar um investimento de 100.000€ (afinal havia dinheiro a rodar no WB…) e vão integrar um road show da MIT Portugal à Costa Este dos EU. Já conhecia o Ricardo Matias e o seu percurso nas áreas da Fisioterapia, o  Ajay Seth (que vive no Silicon Valley) e o Luís Rodrigues (ex Cisco Systems) conheci no #WS. Os 2 cientistas e o gestor são os founders desta Start Up que está a implementar um sistema de apoio à decisão clínica das chamadas doenças do movimento (musculo-esqueléticas), destinado a ortopedistas,...

Ler Mais

Só as sondagens do Trump estava certas. Porquê? Por causa dos mentirosos.

Porque as pessoas mentem. Muito. Os “politicamente corretos” então: São uns aldrabões de primeira! This is not about politics. É sobre a condição humana. Quando uma sondagem de um jornal ou da campanha Clinton pergunta a um homem branco, com educação superior ligeiramente racista e machista se vai votar Trump o seu “politicamente correto alert”  liga e o mais certo é que se declare indeciso. Quando a pergunta vem da campanha de Trump todos estes politicamente corretos já se sentem mais à vontade para responder que sim, que vão votar Trump. Por isso a campanha Trump tinham as estimativas mais...

Ler Mais

Da oferta e da procura e do Futebol

“Não apoiam nada para além do Futebol”, dizia-me aqui há dias um adepto de outra uma outra modalidade. Isto é mais ou menos como o ovo e a galinha: “eles” apoiam porque há paixão, assistência e audiência? ou há isto tudo porque há apoios? É sobretudo uma questão de oferta e de procura. Ao contrário dos tempos da  (1ª) Revolução Industrial em que a Procura superava a Oferta, a Oferta é superior à Procura em quase todas as áreas de atividade. Os consumidores também já falam “Marketinguês”, e torna-se difícil empurrar seja o que for que não responda aos seus...

Ler Mais

Pin It on Pinterest