São os novos consumidores. Têm novos modelos de família, constituem uma nova demografia e vivem numa sociedade em rede.