img_9073Adoramos ser adorados. De longe. O derradeiro tique de realeza.
Podem gostar de nós, mas lá de onde fazem os inquéritos e os rankings. Não venham é para cá. Encher os aeroportos, Lisboa, Porto, os restaurantes e os bares e as praias! Irra!
Adoramos os rankings – “Ser os maiores” nas partilhas do facebook: o melhor destino de férias, a melhor cidade para viver, a melhor gastronomia, o melhor filme de promoção turística… ou o segundo, ou o terceiro…
Mas ai deles! Quererem vir para cá! Estragam isto tudo! Assim como é que ganhamos estas coisas de ser “o maior”!? Tudo cheio de turistas? Assim não dá!
Adoramos vender as casas caríssimas, mas odiamos os golden visa. Odiamos não: amamos odiar a bolha imobiliária e estes tipos a fugirem aos impostos (embirração!)
Amamos odiar tudo à volta do Turismo! Somos os maiores: melhor destino disto e daquilo e da Condé (whaaaat?!). Agora: Low costs, restaurantes cheios, a Baixa pejada de gente, filas na Torre de Belém, AirBnB, hostels, tuktuks, lojas da sardinha!? Não pode ser?!
O paroxismo desta esquizofrenia é a Madonna.
A primeira fase foi a de uma beatitude feliz pela sua opção por Lisboa, ou Sintra (ou Almada 😂😇).
Agora que parece que já cá está, agora é que ela vai ver como elas lhe mordem!
– Ai não consegue levantar a encomendazinha? Tungas! Pensavas que isto é como na América? Welcome, to hell! Enquanto nas redes sociais, viciosamente lhe antecipamos um zilhão de contrariedades – agora é que vais ver como isto é bom 🤣🤣🤣!
Ao fim de uma semana em Lisboa já parece uma cabeleireira da Damaia! E prossegue a chalaça!
Não!
Foi só uma selfie antes de lavar os dentes! O drama da encomenda é com a FedEx, e isto é uma cidade fantástica para viver! Não quero ouvir menos que isto!
#SerPortuguês #PortugalMilenar #PortugalNaSuaEssência #EssênciaPortuguesa