Categoria: S’Inovar

Da Vaca – o melhor nome de sempre para um iogurte!

Quando 2 holandeses vem para Portugal abrir uma vacaria… e acabam por lançar os melhores iogurtes que já provei. Com o melhor #Branding de sempre! Quando há crise e o preço do leite ao produtor baixa, podes queixar-te e pedir subsídios, ou direccionar parte da produção para produtos com valor acrescentado Todos os dias as vacas dão leite, e desse, parte é  utilizado na unidade de iogurtes, feitos de modo completamente artesanal, apenas com recurso à pasteurização, para a conservação. O leite é utilizado como as vacas o dão – não se retira, nem acrescenta nada… A combinação com...

Ler Mais

Celar – à volta de tachos e panelas

E estar a estufar um frango no fogão e depois poder levá-lo a dourar ao forno, no mesmo tacho? Quem nunca!? Confesso que sou adepta de produtos com múltiplas funcionalidades  e esta linha que #Celar vai lançar  permite cozinhar no fogão (mesmo que seja de indução) e depois ir no mesmo recipiente (anti aderente!) ao forno; para mim que gosto de cozinhar; é um sonho antigo. É uma inovação que responde a #EstadosDeNecessidade de consumidores… Esta #Inovação da Celar tem ainda uma estética que me agrada, o revestimento  é um granitado que me faz lembrar os tachos de esmalte da Avó. Acho sempre...

Ler Mais

A máscara de Joana Vasconcelos

Fernando Pessoa foi uma das inspirações  de Joana Vasconcelos para esta sua máscara gigante (I’ll be your mirror, 2018) composta por dezenas de espelhos emoldurados em escama e nos quais refletimos, em ângulos infinitos, a nossa condição, e é o mote da nova exposição de JV, em Serralves. A artista regressa a Serralves depois de um percurso nacional e internacional que está a fazer dela uma das nossas artista de maior projeção. A exposição que hoje se inaugura, traduz a vertente de arte pública, pelo que é no parque, nos jardins exteriores que decorre grande parte da exposição.  No átrio de entrada...

Ler Mais

Bordallo Pinheiro, talvez o Designer mais influente do sec XIX

À boleia do vintage, e numa estética própria  que conjuga a modernidade e o minimalismo, os últimos anos trouxeram as louças Bordallo Pinheiro para as casas de muitos consumidores que as ligavam apenas aos pratos-couve das casas das avós… Como isto se faz? Um passo foi a estratégia de parcerias com artistas contemporâneos, como a Joana Vasconcelos que modernizaram a  a marca e a voltaram a referenciar junto a um consumidor mais jovem; a ela juntaram-se outros artistas portugueses e brasileiros, e desde 2013 que a Bordallo Pinheiro participa também em grandes feiras internacionais, como a Maison & Objet, numa aposta cheia...

Ler Mais

CIN: o fascinante o mundo das tintas

Quando se tem obras em casa temos 2 opções: caímos na insanidade óbvia, ou aproveitamos e mergulhamos em “universos desconhecidos”. Tintas! Quem nunca? Para começar a #Cin, é uma #MarcaPortuguesa (lançada em 1917) que consegue escalar o suficiente para ser líder ibérico de tintas e vernizes.. e é um mundo de inovações de que não fazia ideia.  Alguns exemplos:  Os nomes das cores, não são cores, são sensações; As tendências são tão estruturadas como se das cores-tendência de uma marca de moda estivéssemos a falar (fiquei fã do azul-Mare Nostrum #E697, #EssênciaDePortugal, veja aqui as músicas e as inspirações visuais...

Ler Mais

Pin It on Pinterest

00

Subscreva o Website

Receba no seu email uma notificação sobre as últimas publicações aqui no meu website.

A sua subscrição foi concluída com sucesso.