E estar a estufar um frango no fogão e depois poder levá-lo a dourar ao forno, no mesmo tacho? Quem nunca!?

Confesso que sou adepta de produtos com múltiplas funcionalidades  e esta linha que #Celar vai lançar  permite cozinhar no fogão (mesmo que seja de indução) e depois ir no mesmo recipiente (anti aderente!) ao forno; para mim que gosto de cozinhar; é um sonho antigo. É uma inovação que responde a #EstadosDeNecessidade de consumidores…celar Linha-Romântica

Esta #Inovação da Celar tem ainda uma estética que me agrada, o revestimento  é um granitado que me faz lembrar os tachos de esmalte da Avó. Acho sempre que eixos de Inovação assentes no DNA português e na #EssênciaDePortugal, têm melhores filões de desenvolvimento e sucesso, com maior facilidade de diferenciação!

Inovação e Marketing à parte – 3  coisas sobre loiça anti-aderente que deve saber:

  1. O revestimento anti-aderente utilizdo pela Celar não é nocivo para a saúde, pois a matéria de que é composto (PTFE) é inerte, o que significa que não é absorvida pelo organismo. Mesmo que ingeríssemos partículas deste composto, tal não representaria qualquer perigo, pois seriam eliminadas pelo corpo
  2. Uma das características do revestimento anti-aderente é, precisamente, a possibilidade de cozinhar sem utilizar matéria gorda, ou reduzi-la ao mínimo, dependendo do gosto de cada um. Pode, portanto, beneficiar em termos de saúde, pois permite reduzir significativamente a ingestão de gorduras
  3. O fumo emanado de utensílios anti-aderentes não representa perigo para os utilizadores, nem para os animais domésticos, exceto os pássaros, pois o seu sistema respiratório é particularmente frágil pelo que são muito sensíveis a quaisquer tipos de fumos.
Lurdes Amorim, no stand da Celar na Feira de Frankfurt

Lurdes Amorim, no stand da Celar na Feira de Frankfurt

#MagsFinalTouch – quando falamos nas exportações portuguesas lembramo-nos logo dos têxteis e calçado; a metalurgia, a área da indústria da Celar é, contudo, uma das mais fortes e com grande crescimento nos últimos anos. A Celar tem uma presença assídua em feiras internacionais, como há uma semana em Frankfurt.

Acho formidável empresas que se alavancam para outros mercados. Há sempre oportunidades de desenvolvimento em Inovação e Marketing, mas é estimulante quando percebemos que já há um caminho traçado para o sucesso. É uma questão de tempo.

 

#MarcasPT2019, uma #MarcaPortuguesa por dia