Quando se tem obras em casa temos 2 opções: caímos na insanidade óbvia, ou aproveitamos e mergulhamos em “universos desconhecidos”. Tintas! Quem nunca?

Para começar a #Cin, é uma #MarcaPortuguesa (lançada em 1917) que consegue escalar o suficiente para ser líder ibérico de tintas e vernizes.. e é um mundo de inovações de que não fazia ideia.  Alguns exemplos: Cindecor_17OUT

  1. Os nomes das cores, não são cores, são sensações;
  2. As tendências são tão estruturadas como se das cores-tendência de uma marca de moda estivéssemos a falar (fiquei fã do azul-Mare Nostrum #E697, #EssênciaDePortugal, veja aqui as músicas e as inspirações visuais da gama de azuis 2019)
  3. Color Mix 3G -Nas lojas CIN só há latas de tinta branca e preta. Todas as outras cores correspondem a uma referência de mistura de corantes-base que são misturados e “enlatados” na hora, no tom e quantidade pretendidos;
  4. ColorADD – é um código gráfico que permite aos daltónicos identificarem as cores de forma rápida e simples: um projeto de Inclusão Social porque ” A COR É PARA TODOS!”
  5. Costumização – se encontrar uma cor que não está em catálogo é levar uma amostra em papel, tecido, porcelana, madeira ou qualquer outro material a uma loja CIN e  a partir da amostra é criada uma tinta exactamente da mesma cor; Cindecor_11OUT
  6. Simulação –  através do Simulador de Cor CIN é possível ver o espaço de todas as cores que imaginámos e de outras que também podem resultar bem…
  7. As lojas CIN facultam uma série de pequenos cartões de cor que podermos levar de modo a combinar com as cores que já decoram a casa. E antes de pintar, ainda é possível levar para casa uma pequena amostra de tinta (TESTiT) para testar na parede num local discreto para confirmar a opção;
  8. A aplicação CIN COLORiT permite identificar qual a referência CIN que corresponde a cor(es) existente(s) em fotos.

Acabaram-se as obras, ficou outra #MarcasPortuguesasDePaixão

#MarcasPT2019, uma #MarcaPortuguesa por dia