Para uma das minhas irmãs leite era mesmo só com Kocky, o nome a “atirar ao modernaço”  que o produto tinha na altura.

Imagem do Coqui do final dos anos 70 até 2000

Imagem do Coqui do final dos anos 70 até 2000

Lançado em 1969, com a assinatura ” Energia e Alegria para todo o Dia” esta #Marca apanhou-me já adepta do #Milo com mais cacau e que escondia melhor o sabor e o cheiro do leite que sempre detestei. As minhas irmãs mais novas e nascidas  na década de 70 fizeram claramente parte de toda uma geração que cresceu com Coqui ao Pequeno-Almoço e ao Lanche.

Em 1978 a Marca aportuguesou-se, e passa definitivamente ao Coqui mais genuinamente português, abandonando a versão Kocky. O #ReBranding chega também às latas que apresentam um #Design modernizado.

Coqui à venda n´A Vida Portuguesa

Coqui à venda n´A Vida Portuguesa

Em 2000, esta #MarcaPortuguesa atualiza novamente o #Design e ainda hoje os saudosistas, ou como eu, os militantes da compra de #MarcasPortuguesas, podem comprar as várias embalagens (200, 400 e 800gr e  2Kg – que acho que vou comprar só mesmo para ficar com a lata) em pontos de venda d’ “A Vida Portuguesa”, ao El Corte Inglés e a vários pontos de venda mais pequenos e populares já que a Marca está também à venda nos Recheio Cash & Carry – podem ver a lista de pontos de venda por Concelho aqui.

Esta é mais uma das Marcas Portuguesas que consideramos vintage só porque não aproveitamos a ida ao Supermercado do ECI, ou a um outro qualquer para comprar esta Marca 100% portuguesa que queremos que perdure. Pela minha parte cá em casa já se comprou o último Nesquick.

Olhando para esta marca pergunto-me se, sozinha, ou em parceria com outro(s) fabricante(s), não teria o #Coqui a elasticidade de Marca para se lançar em outros Mercados como por exemplo chocolates ou bolachas. Há por aí muitos saudosistas capazes de pegar nisto, e, com este #Design vintage assegurar a perenidade da Marca.

#MarcasPT2019